16 de abril de 2010

Apenas o reflexo

Do céu dessa vez não vieram bênçãos. E sim respostas. Não de Deus, mas da natureza. Desceram em águas, pequenas gotas de chuva. Simples chuviscos, nada para se preocupar. Mas aos poucos a resposta de vingança do meio ambiente se derramou em lágrimas, clamando através dos raios seu pedido de socorro. Transbordou tristeza, alagaram casas. Ver sua moradia ser invadida e se sentir impotente diante da situação; os anos de labuta, a construção da tão sonhada casa que se enfraquece com a força da água. O que fazer?! Chorar?! Acho que não, até porque as gotas de lágrimas não terão efeito nesse mar poluído, em fúria. Ver pessoas inocentes morrendo... culpa de quem? A explicação mais cabível que encontram é 'da natureza'. Não é verdade. Sua bondade nos dá vitalidade há tanto tempo e sua paciência tem nos ensinado enquanto extraímos bruscalmente sem nenhum senso de ética seus recursos. A culpa não é dela. Ver sua casa ser invadida, suas lembranças, bens e recordações serem levados pelas enxurradas, enquanto você apenas assiste ao "espetáculo" me parece o mesmo que derrubar árvores, poluir rios, lançar verdadeiros "venenos" no ar puro. O espelho está se virando, e recebemos apenas uma parte do reflexo do passado bem presente, atitudes inconsequentes que estão nos trazendo severas consequências.

4 comentários:

Thalita Souza disse...

Toda ação tem sua reação,o homem maltrata natureza,e recebe isso em troca ;)
Que Deus possa abençoar todas aquelas famílias desabrigadas do Rio de Janeiro.
beijos.

Andréia disse...

punk! eu não consigo imagina o pânico que é passar por uma situação dessas.

beijos

defélix, disse...

É nesses momentos que vemos o quão pequenos somos comparados a essa natureza que tanto nos faz bem e a esse Deus que só quer o melhor pra gente. E nós? Nós nem sabemos o que é bom ...

Parabéns Patrícia
continue escrevendo
a natureza e eu precisamos disso.

te amo.

Wilian Bincoleto Wenzel disse...

Poxa, Patrícia!

Que ótimo seria se a maioria das pessoas tivessem essa consciência retratada nesse texto.

A natureza também vê todos os dias, pedaços de si sendo arrancados por quem tanto prezam, tanto ajudam. Vê suas lembranças de dezenas, centenas de anos serem perdidas pela arrogência humana, por esse "querer sempre mais" que faz parte de nossa natureza!

Como você disse: "recebemos apenas uma parte do reflexo". Ai de nós se Deus nos permitisse sofrer a consquência total de nossas atitudes!

Linda reflexão, Patrícia!
Que Deus nos abençoe e ajuda a minimizar essa violência a natureza!

O meu beijo.! ;*